Ontem fui dormir as 18 h. e acordei as 24 h. Demorei um pouco para dormir novamente, mas consegui e fui até as 6 h. A tosse e o  nariz escorrendo me pegou de jeito. Acho que foi por dormir de boca aberta no trem, com muita poeira entrando pela boca…

O desjejum foi muito bom, pois alem do suco de laranja, banana e mamão picados, leite, iogurte, chocolate, pães, chás, manteiga e geleia (o melhor até agora). Fomos para a Igreja Adventista de Miraflores. Estava bem cheia, com muitos jovens. Tem um otimo pianista e são bem animados nos canticos.

Ao final do culto fomos informados de um restaurante vegetariano proximo ao hotel em que estavamos hospedados, no hotel Gloria (3 estrelas), a 25 bs por pessoa, com comida a vontade. Fomos para lá, e realmente a comida é boa, mas eles são lentos na reposição da comida, provocando fila enorme no self-service. A sopa de minestrone estava ótima (a outra era de aspargos, e estava com cara muito boa também).

Fomos caminhando do restaurante até o hotel, aproveitamos para ajudar na digestão. Foram 6 quadras entre subidas e descidas (a cidade é toda dessa forma). As duas ultimas quadras lembravam a ladeira Porto Geral em São Paulo. Aliada a altitude, tivemos que subir bem devagar, respirando com calma.

Depois do almoço e da caminhada fomos fazer a “ciesta”. Eles foram passear no parque, mas nós estavamos tentando repor o sono perdido durante a viagem de Uyunes – Oruro – La Paz, que foi muito cansativa.

Nosso quarto e alguns dos corredores são decorados com pinturas referente a Bolívia. Tirei algumas fotos. São pinturas muito bem feitas. Amanhã vamos conhecer o Lago Titicaca.

hotel-gloria-copacabana-em-la-paz