Achei interessante que  as estradas americanas, pelo menos as que utilizamos até agora, são de concreto, e com 3 a 5 pistas em cada sentido, e tem um fluxo de transito quase que continuo, diminuindo mais nos acessos as  cidades ou bairros. Também tem uma pista a esquerda, chamada “Carpool”, onde só transitam carros com mais de um passageiro, e como estávamos em cinco, era por ali que andávamos direto. A grande maioria do povo respeita essa faixa,  pois também se não o fizer, existem bastante carros de patrulha espalhados pelos cantos da rodovia, que aplicam multas pesadas para os desobedientes.

Uma outra coisa que me chamou a atenção é que ninguém fica jogando latinhas e coxa de frango pela janela, pelos mesmos motivos acima… As estradas parecem um retão só, sem cortar o centro das cidades, e são isoladas, normalmente por blocos de concreto ou paredões de tijolos, para evitar que alguém tente entrar nas pistas pelo local errado. Outro detalhe, é que onde estiver escrito PARE (STOP), é para parar mesmo, e não para apenas olhar se não vem ninguém e ir entrando… risco de multa também… Se o carro da frente não der passagem, nada de ficar piscando farol, ou pondo a mão na buzina, basta ligar o pisca e ultrapassar pela direita, desde que não venha nenhum veiculo nessa pista… Os caminhões podem andar em qualquer pista que queiram, desde que andem na mesma velocidade que os carros… e aqui os caminhões são muito bonitos e bem conservados, parecem enormes comparado aos nossos, e eles fazem um tipo de extensão de cabine, e colocam dois escapamentos grandes, um de cada lado da cabine, ficando com uma cara de enormes…

Muitas caminhonetes usam rodas enormes, que as  deixa bem mais altas,  e são saltadas para fora da carroceria (no Brasil é proibido), alguns carros também usam essas rodas grandes e fica bem legal, inclusive é comum ver os jipes Hummer passeando pelas ruas da cidade…

As estradas, no geral, são muito rápidas e ligam quase que todas as principais cidades, sem você ter que passar por dentro delas como é comum no Brasil. Apesar de estarmos em um deserto, nem dá para perceber muito, a não ser pelo clima muito seco e quente, e pelo tipo de solo e algumas vegetações tipicas de deserto… Existe muito verde aqui… No transito da cidade,  quando se chega a um cruzamento, ninguém fica disputando quem vai ser o primeiro a passar. O veiculo que chega primeiro a esquina, para na faixa referente ao STOP, e fica aguardando que o outro veiculo que vai cruzar, também pare. Então, o primeiro veiculo que chegou ao cruzamento tem a preferência para passar, e somente então ele continua a viagem… Isso vale também para os estacionamentos, onde todos respeitam as placas de STOP. Aparentemente, é muito melhor para se dirigir aqui, do que no Brasil, onde impera a Lei de Gerson,  onde todos querem levar vantagem.

Mais um detalhe. Aqui o pedestre tem preferência… Se o farol ficou verde para os veículos e você estiver atravessando a rua, ninguém fica buzinando,  nem acelerando, nem ameaçando, mas aguardam pacientemente que o pedestre termine sua travessia… Pelo menos aqui nesta região da  Califórnia funciona assim… Inclusive nos supermercados, dentro, quando estamos fazendo compras, ninguém procura passar com seu carrinho primeiro que o outro… um fica parado enquanto dá a preferência para os outros…

transito-na-california